quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Marketing Pessoal

Sempre gostei de me arrumar. Não preciso usar roupas caras, de grife. Dificilmente as compro, talvez uma ou outra peça que me encante, mas primo pelo bom gosto e elegância. Gosto de usar vestidos, me sinto feminina. Roupas curtas ou decotadas só uso em casa ou na praia. As roupas pedem ocasiões. E idade para usá-las. Bom senso é sempre bem-vindo. Qual é a vantagem de usar uma roupa que lhe cai mal? Quantas vezes vemos pessoas com quilinhos a mais usando roupas justas, decotadas, que acentuam ainda mais o seu sobrepeso? Para cada biotipo há peças adequadas, que valorizam o que temos de melhor. Inteligente é descobrir isso.
Maquiagem então, é fundamental, mas não de qualquer forma. Há livros, há internet, há pessoas que podem ajudar. Uma boa maquiagem deixa você poderosa e não faz com que as pessoas achem que você é uma "palhacinha". Maquiagem pro dia é de um jeito, menos colorida, mais natural. Se for pra noite, você pode ousar. Mas em tudo tem que haver o equilíbrio, não quer dizer que você não possa sair "colorida" de dia e "natural" à noite, depende do que você queira destacar.
Unhas bem feitas é mais do que elegância, é questão de higiene. Para quem não gosta de pintar, ou de cores fortes, pode andar apenas com base ou à francesinha. O importante é estar com unhas limpas, lixadas, sem esmalte descascando. Uma pessoa que não cuida das unhas passa uma imagem de desleixo terrível.
Os cabelos são a moldura do rosto. Quantas pessoas conhecemos com rostos bonitos, mas que não cuidam dos cabelos e acabam por tornarem-se "feias"? Ou o contrário, pessoas não tão bonitas, com cabelos bonitos, bem tratados, que tornam-se mais bonitas do que realmente são? Os cabelos precisam estar limpos e secos. Isso não quer dizer escovados, se você não é adepta à chapinha, mas cabelo molhado, pingando nas costas ou grudados na cabeça com gel e semelhantes é totalmente ultrapassado, para dizer o mínimo.
Depilação dá aspecto de limpeza. Pêlos excessivos no rosto e no corpo podem ser removidos de diferentes maneiras, de acordo com o interesse pessoal. O essencial é a higiene.
Uma mulher depilada, com as unhas e cabelos bem feitos, numa roupa bonita, está pronta até pra guerra.
A nossa imagem não reflete exatamente quem somos, mas diz muito de nós. É importante, não adianta. Há quem ache que a opinião dos outros não importa, mas como não vivemos numa ilha, sozinhos, é importante sim. O que você é passa pelo crivo da opinião alheia, isso chama-se reputação. Claro, a sua consciência, o seu cárater são bem mais importantes do que isso, mas quem pode dizer que não se preocupa com a imagem que passa às pessoas? Se você for rico, mas podre de rico mesmo, pode não fazer diferença ter um nariz de Michael Jackson, mas para nós, simples mortais, que dependemos do nosso trabalho e convívio em sociedade, não dá pra sair por aí colocando sacos pretos na cabeça dos nossos filhos.

10 comentários:

Tessa disse...

coisa boa se cuidar... tenho sorte de ter cabelão e naum dar nada de trabalho hehehehehe

bjoks,

Tessa.

Si disse...

Obrigada pelo carinho, lindinha. Adoro vir aqui nesse blog que é ultramente chique. Parabéns pelo post, a fotografia e o texto estão fenomenais como sempre. Vc é show!
bjocas!

O Profeta disse...

Construí um abrigo no deserto da emoção
Os vales são as ruas de um Deus
Fecha-se a alegria da terra
Um último olhar de amor, solto dos olhos teus

Na noite tudo se perde
Mora a sombra o desvario
A indomável vontade do amor
Tem a força de um Rio

Boa semana


Mágico beijo

Si disse...

Amiga. Eu fiz um selinho do meu blog e está lá na minha página há algum tempo esperando vc retornar pra pegar, tá. Espero que gosto e ficarei imensamente feliz se aceitá-lo.
bjos

Si disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mulherzinha Sim! disse...

Nossa, realmente este post foi uma aula de marketing pessoal. Já pode lecionar nas faculdades. rsrsrs


Beijosssssss

Bel disse...

Toda certa, você! E passei vergonha comigo mesma agora... pintei as unhas de vermelho no sábado e hoje já estão pra lá de descascadas, mas não tive tempo de tirar o esmalte... faço isso assim que chegar em casa, com certeza!
Beijoooo

Carla P.S. disse...

Concordo plenamente, querida! Acho que uma mulher que se ama (ou qualquer pessoa, enfim) reluz isso aos olhos dos outros! Sou dependente assumida da escova, visto que meu cabelo é armado, e prefiro ele liso do que ondulado. Mas faço meus cuidados, passo um jato de ar frio depois, silicone nas pontas, algum creme pós-enxague de vez em quando, hidratação às vezes, etc..Sempre bom! E isso faz com que as pessoas notem a diferença...Bem como um lápis escuro diário, no máximo um gloss, já dá um brilho diferente pra meu rosto branquela! Hehe.. E coisinhas assim..Sou muito a favor do marketing pessoal. Sou simples, também não vou gastar preciosos tempos da minha vida procurando roupas da moda, e investindo em cortes diferentes, mas o que faço é de bom gosto, pra transparecer higiene e um certo bom gosto, discerto. Ah, unhas vermelhas! Sem comentários..Hehehehe..
Gostei muito do post, mulher que se valoriza é mulher amada.
Um café, no ponto, com grãos especiaiss...

Debora Giangiarulo disse...

Querida, se você soubesse como o seu post me deu uma "sacudida"...ando muito descuidada comigo mesma e seu texto me deu uma verdadeira injeção de ânimo! Já comecei a me cuidar, agora mesmo!
Obrigada, viu?
Bjs!

Agrilla disse...

Tô me sentindo uma mulher das cavernas depois desse texto. Aff, minhas unhas são horríveis, não sei andar bem arrumada, muito menos de salto, não uso maquiagem e prendo o cabelo pra não precisar ver ele. Tcharam, me dá uma ajuda? tipo, tira meu cérebro fora e poe outro? socorro.